terça-feira, 22 de maio de 2012

Raiz do Sana faz show gratuito no Sesc Nova Friburgo nesta sexta-feira



A banda apresentará um repertório eclético que vai do baião ao rock

Inspirada pelos ritmos nordestinos, Raiz do Sana tem como marca registrada uma sonoridade própria, a partir da fusão de xote, xaxado, maracatu e baião com outros ritmos e elementos, como rock, salsa, samba e soul. Nesta sexta-feira (25/5), às 20h30, a banda apresentará um repertório dançante, contendo músicas autorais e clássicos da música regional brasileira, no Sesc Nova Friburgo, com entrada franca.

Formada no início de 1998, no Vale do Sana, distrito de Macaé/RJ, a banda lançou seu primeiro CD, "Raiz do Sana", em abril de 2000, totalmente autoral e independente, com grande repercussão, adquirindo um enorme número de fãs. Devido ao sucesso do trabalho, relançou o CD em agosto do ano seguinte.

O segundo CD, "Cabeça d´água", com composições próprias, foi lançado em agosto de 2002. A banda seguiu conquistando cada vez mais adeptos do seu som autêntico. O terceiro CD, "3", foi lançado também de maneira independente em dezembro de 2005. Mais um sucesso. Nesse último a influência de outros ritmos e sons ficou mais evidente, com a presença da guitarra e do maracatu, do reggae e da música caribenha.

Em 2009, lançou seu quarto trabalho - o DVD “Raiz do Sana ao vivo”. Nele é possível se deliciar com os maiores sucessos dos quase 12 anos de carreira da banda. O show vibrante foi gravado na Fundição Progresso e conta com a participação de Elba Ramalho e Marcelo D2.

Em dezembro de 2011, a banda fez a sua primeira turnê internacional, com apresentações na Itália, Portugal, França, Holanda e Alemanha. Nesses 14 anos, já se apresentou em diversos eventos e casas de shows de renome, muitas vezes dividindo o palco com nomes consagrados da música brasileira.

A Banda
Tati Veras | Voz
Elysio | Baixo
Rodrigo Ramalho | Sanfona
Léo Oliveira | Cavaquinho e Guitarra
Frank Furtado | Zabumba
Raphael Rabello | Percussão
Rodrigo Bucair | Percussão

Nenhum comentário:

Postar um comentário