sexta-feira, 7 de setembro de 2012

Cantilena Ensemble faz concerto no Teatro Municipal



O quinteto de cordas Cantilena Ensemble se apresenta na próxima quinta-feira, dia 13, às 20h, no Teatro Municipal, com entrada franca. Antes, porém, o grupo proporciona aos alunos da rede municipal de ensino, um concerto didático, às 15h. A iniciativa é do Governo Municipal, através da Secretaria de Cultura, com apoio do Ministério da Cultura e da ArtInvest. O concerto tem como tema “A História do Brasil através da música”.

A orquestra de câmara Cantilena Ensemble é formada por nove músicos com ampla experiência no cenário da música erudita do país. O grupo paulistano foi fundado em 2006, pela violinista Maria Fernanda Krug e ao longo desses anos de existência já se apresentou em mais de 20 cidades do interior do Estado de São Paulo, na capital paulista, além dos estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo e Minas Gerais. Em 2011, participou do Festival de Música Brasileira de Toronto, no Canadá.

Durante a apresentação da orquestra de câmara, que será de aproximadamente 60 minutos, haverá uma projeção mostrando imagens que remetem a cada um dos períodos históricos, por meio de fotos de artes plásticas, imagens da arquitetura de cada período, filmes curtos que retratam a época, etc. Além disso, para cada período, serão ressaltados nas projeções acontecimentos importantes no Brasil.

No decorrer de cada concerto será projetado em um telão o vídeo “História do Brasil através da Música”, procurando situar o período histórico das músicas dos períodos barroco, clássico, romântico, contemporâneo e nacionalista.

Nos intervalos das obras executadas, o jornalista e crítico musical Irineu Franco Perpétuo fará uma exposição procurando estabelecer maior ligação entre cada um dos períodos musicais, apresentando características particulares das partituras musicais.

Tanto a apresentação musical, quanto as intervenções explicativas do jornalista e a projeção de imagens têm o objetivo de contextualizar a atividade cultural proposta. Acreditamos também que o público leigo será bem acolhido, encontrando diversas possibilidades para familiarizar-se com a música erudita, por meio da própria apresentação musical, das imagens históricas ou dos esclarecimentos pontuais apresentados pelo jornalista Irineu Franco Perpétuo.

Fonte: SECOM / PMNF

Nenhum comentário:

Postar um comentário